PLAY

segunda-feira, 18 de julho de 2016

26 FESTIVAL DE INVERNO DE GARANHUNS: MESA DA TERRA COM TIAGO VALENÇA: NUMERO 3: KIARA RIBEIRO




CRÉDITOS DA FOTO: ESPAÇO EM BRANCO

O Blog do Tiago Valença, começa a partir desta segunda feira, uma série de reportagens sobre os artistas da terra que fazem parte da grade do Festival de Inverno de Garanhuns e a terceira entrevistada deste quadro é a cantora Kiara Ribeiro

Tiago Valença - Boa tarde Kiara, é um prazer conversar com você no nosso blog. Fale-nos um pouco sobre você e sua biografia ?

Kiara Ribeiro - Boa tarde Tiago, é um prazer pra mim tá falando com você pela primeira vez, concedendo entrevista ao seu blog, que desde já eu desejo todo sucesso e lhe agradeço muito para comigo e meu trabalho.A história começa quando ainda criança, ao contrário dos meus outros dois irmãos, eu sou a caçula de de 3 irmãos, eu sempre tive uma veia artística notória, então na minha adolescência eu desfilava, gravava comercial,mas nós consumimos muita música dentro da minha casa, por horas, isso diariamente, então eu cresci com essa vontade amadurecendo dentro de mim, ao contrário dos outros dois que são tímidos e não querem está a frente das câmeras. Eu sempre desejei isso pra minha vida. Quando criança eu desejava o palco de maneira inconsciente e já adulta eu desejei o palco de maneira consciente de forma plena como um lugar de realização e evolução pessoal e profissional e é isso que aconteceu, que vem acontecendo e que irá acontecer com a Benção de Deus durante todos os dias da minha vida. Então eu me formei primeiro, eu sou administradora em marketing, por formação acadêmica e logo depois eu fui levada a seu Domingos, meu conterrâneo com muito orgulho através de um amigo em comum, Cezinha do Acordeon um grande musicista, por sinal um dos maiores do país e seu Domingos ficou muito feliz em me conhecer, em saber que tava nascendo uma nova artista na terra dele, e me abraçou, me apoiou totalmente, me apresentou a várias pessoas no Brasil e eu pontuo a carreira através disso, porque anterior a isso tinham acontecido obviamente outras participações, mas tudo de maneira informal, mas um show empresariado, uma banda montada, sim, aconteceu a partir daí. Então essa foi a minha escola, eu tenho muito orgulho disso, a exemplo de outros artistas nordestinos, eu passei pela escola de seu Domingos, ali eu cantei Elba, Geraldo,Zé,Alceu, artistas que bebem dessa mesma fonte e eu evolui muito enquanto profissional , tenho muito orgulho do meu começo. Logo depois eu já comecei a vender, a cantar e a produzir um trabalho, com influencia de música percussiva que é a verdadeira paixão. Hoje são 8 festivais, na carreira, sendo 5 deles Festival de Inverno, eu ganhei o premio da música pernambucana, o troféu Acinpe pela votação dos críticos, melhor álbum na categoria MPB, eu fiz o Galo da Madrugada em 2014, uma experiência única e gigantesca, eu tenho duetos com artistas nacionais como Daniela Mercury e o próprio Dominguinhos, eu já abri shows para diversos nomes da música popular brasileira como Ana Carolina, Fabio Jr, Fagner, vários. São 3 trabalhos lançados, o mais recente, foi gravado em Salvador com a banda de Margareth Menezes produzida por Admar Borges, que é o produtor dela, ficou um trabalho com uma qualidade sonora muito boa e ele tem músicas autorais de minha composição e desde o ano passado nós estamos fazendo audição para o meu novo trabalho 100% autoral, mas é um trabalho que tem um planejamento de carreira por tráz dele, então não é um trabalho que pode ser lançado simplesmente por lançar, nem tão rápido e nem tão fácil, ele ainda está passando por retoques, mas eu acredito que o público vai abraçar e vai gostar porque os compositores que estão dentro desse trabalho são maravilhosos, são pessoas que o Brasil já canta e já conhece a linha de composição, a linha de trabalho, e eu estou muito feliz com esse trabalho que está pra surgir, porém ele não será lançado neste festival, será apresentado em um show posterior ao festival de inverno e as pessoas vão ter que aguardar pra curtir esse som, curtir esse trabalho que tá vindo ai com muito carinho e com muito esforço, mas que sem dúvida nenhuma vai valer a pena, já está valendo.

Tiago Valença - Como surgiu a oportunidade de cantar no 26 Festival de Inverno de Garanhuns e qual sua impressão sobre o evento e como você se sente em cantar em um dos maiores festivais da América Latina ?

Kiara Ribeiro - Como você falou, o Festival de Inverno, a importância dele é imensurável. É o maior evento multicultural da América Latina, e pra mim, enquanto artista é fantástico, só enriquece o meu currículo e a minha experiência, eu sempre fui muito feliz em todas as edições que eu participei em termos de público, em termos de críticas, sempre fizemos bons shows, porém o show do Festival de Inverno é diferente do show que nós levamos pra estrada, do show que nós vendemos, é um show diferenciado, é um show de música popular brasileira, com influências, no meu caso percussiva, também, não é só isso, e é um show onde o cantor ele se coloca realmente como intérprete, é uma viagem pela música brasileira, até mesmo para mostrar a evolução que é inevitável. Certa vez na sala de imprensa após terminar uma de minhas apresentações, a imprensa me abordou dizendo que o show tinha sido um sucesso em termos de público e de críticas que lá fora eram os melhores comentários e as pessoas estavam vibrando mas eles gostariam saber de mim o que eu tava sentindo, se eu tava feliz e eu respondi o seguinte: se amanhã eu subir naquele palco, eu vou cantar, eu vou me colocar de maneira diferente, porque a música é uma evolução, mas hoje sim, eu estou muito feliz e muito realizada porque eu dei o meu melhor , eu fiz o que eu podia fazer e assim vem sendo. Esse ano vou apresentar coisas diferentes, é um show muito bem arranjado, são músicas fortes, um show, eu sou suspeita pra falar, mas tudo que é feito com o coração, emociona, eu parto desse princípio. então meu público já espera, eu recebo muito carinho das pessoas não só aqui de Garanhuns, e o público que vem de fora, pra ver o show que me acompanha desde a minha primeira edição, que fica na ânsia, na expectativa de me ver cantar, de ver o que eu vou apresentar, eu acredito que esse ano não será diferente e espero agradar a todos, não a todos, porque é impossível, mas nem é essa a minha intenção, mas aquelas pessoas que curtem um bom som e que curtem o meu trabalho, eu estarei lá de corpo e alma.

Tiago Valença - Agente sabe que na Rede Globo, tem o famoso The Voice Brasil, no qual temos vários cantores aqui em Garanhuns, que acredito eu, que mereciam está lá. Você teria interesse de participar do The Voice representando Pernambuco ?

Kiara Ribeiro - O The Voice é uma idéia que eu ainda nao absorvi, não quiz trazer pra minha vida, tenho várias amigas que já participaram: tem Ayla, tem Vanessa, tem Larissa, conheço uma por... de gente que já foi pro The Voice, mas eu particulamente não tenho essa vontade. Quem sabe um dia.

Tiago Valença - Obrigado Kiara, e deixamos aqui aberto o espaço para suas considerações finais e que você faça o convite para os leitores, o público em geral e seus fãs, para o show do dia 30

Kiara Ribeiro -  Bom, eu só tenho que agradecer a esse espaço precioso que vocês nos dão, enquanto artistas nos possibilitando nos aproximarmos mais do público e falar um pouco da nossa história, da nossa trajetória, dos nossos objetivos, nossos projetos e deixo um beijo muito especial e músical a todos os leitores do Blog do Tiago Valença e que essa seja a primeira de muitas outras oportunidades, sempre estarei aberta a conversar e a tá pertinho de vocês. Convido a todos, dia 30 pra encerramos o festival, com chave de ouro, última noite, vamos jogar duro naquela praça, vamos falar de amor, vamos fazer tudo que agente tem direito combinado ? um beijo grande, fiquem com Deus e até a próxima.

ABAIXO UM VÍDEO PARA VOCÊ QUE NÃO CONHECE, CONHECER MELHOR ESTA GRANDE ARTISTA:


Nenhum comentário:

Postar um comentário